Papéis femininos na propaganda e seus efeitos sobre consumidores brasileiros

Autores

  • Fernanda Almeida Marcon Universidade Federal de Santa Catarina
  • Rudimar Antunes da Rocha Universidade Federal de Santa Catarina
  • Ana Maria Simões Ribeiro Universidade Federal de Santa Catarina http://orcid.org/0000-0001-5807-4510

Palavras-chave:

Propaganda, Papéis femininos estereotipados, Imagem da Empresa, Intenção de Compra, Contexto Brasileiro

Resumo

Esta pesquisa objetivou analisar as atitudes de adultos brasileiros acerca do retrato de estereótipos femininos na propaganda e seus efeitos na imagem dos anunciantes e na intenção de compra. Para isso, aplicou-se um survey entre novembro e dezembro de 2017 numa amostra de 519 respondentes. Os dados coletados foram analisados por modelagem de equações estruturais. Concluiu-se que a ofensividade causada por papéis femininos estereotipados na propaganda influenciou a intenção de boicotar os produtos. Confirmou-se que as mulheres apresentam atitudes mais negativas do que os homens quanto aos estereótipos retratados, em termos de ofensividade. Contudo, não houve diferença significativa entre o gênero feminino e masculino quanto ao impacto da ofensividade sobre a imagem da empresa ou a intenção de boicote. 

Publicado

14-12-2021

Como Citar

MARCON, F. A.; ROCHA, R. A. da; RIBEIRO, A. M. S. Papéis femininos na propaganda e seus efeitos sobre consumidores brasileiros. Intercom: Revista Brasileira de Ciências da Comunicação, São Paulo, v. 44, n. 3, 2021. Disponível em: https://revistas.intercom.org.br/index.php/revistaintercom/article/view/3214. Acesso em: 26 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos