Televisão e Mídias Digitais na América Latina: um cenário em construção

Autores

  • Maria Cristina Gobbi Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, Faculdade de Arquitetura Artes e Comunicação, Depto. de Comunicação Social. Bauru - SP, Brasil
  • Francisco Machado Filho Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, Faculdade de Arquitetura Artes e Comunicação, Depto. de Comunicação Social. Bauru - SP, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.1590/rbcc.v38i1.2206

Palavras-chave:

América Latina. TVDi. Inclusão Digital. Inclusão Social. Mídias Digitais.

Resumo

O texto é resultado inicial do projeto denominado Global iTV, Interactive and Hybrid TV systems: a new advanced scheme for future services and applications in a global environment, contemplado pela Chamada MCTI/CNPq nº 13/2012 – Programa de Cooperação Brasil – União Europeia, direcionado para a área de Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC), que tem como mote central desenvolver um padrão que possibilite a interoperabilidade dos diversos sistemas de TV Digital a operarem de forma conjunta, trocando e utilizando informações. Assim, utilizando pesquisa bibliográfica e documental, o artigo caminha na perspectiva de demonstrar como esse panorama está desenhado a partir do advento da televisão digital e do uso da tecnologia na América Latina, buscando apontar semelhança, diferenças, problemas e soluções advindos do uso e consumo da digitalização do sinal de televisão, na região. Os resultados demonstram a importância da convergência midiática, mas apontam que ainda há extensas camadas da população na região que estão a margem da Sociedade Digital e dos benefícios propiciados pelas redes digitais e que a pobreza e a baixa escolaridade são contributos importantes desse cenário.

Biografia do Autor

Maria Cristina Gobbi, Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, Faculdade de Arquitetura Artes e Comunicação, Depto. de Comunicação Social. Bauru - SP, Brasil

Professora Livre Docente do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e vice-coordenadora e do Programa de Pós-Graduação em Televisão Digital da Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho (UNESP). Pós-Doutora pelo Programa de Pós-Graduação em Integração da América Latina
da Universidade de São Paulo – PROLAM/USP. Doutorado em Comunicação Social pela Universidade Metodista de São Paulo. Diretora Administrativa da Socicom (Federação Brasileira das Associações Científicas e Acadêmicas de Comunicação). Ganhadora do Prêmio Luiz Beltrão –  Categoria: Maturidade Acadêmica da Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (2014). No período de 2008-2011, foi Diretora de  Documentação da Intercom. Foi bolsista do Instituto de Pesquisa Aplicada (IPEA) – ano 2010-2013. Foi diretora Suplente da Cátedra Unesco de Comunicação (1998-2010). É autora de diversos livros e artigos na área da Comunicação.

Francisco Machado Filho, Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, Faculdade de Arquitetura Artes e Comunicação, Depto. de Comunicação Social. Bauru - SP, Brasil

Doutor em Comunicação Social pela Universidade Metodista de São Paulo (UMESP). Possui graduação em Comunicação Social Habilitação Rádio e TV pela Faesa (Faculdades Espírito Santense) (1999) e Mestrado em Mídia e Cultura pela Unimar (Universidade de Marília) (2006). Professor dos cursos de Comunicação da Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho (UNESP). Membro do COMTEC (Grupo de Pesquisa) e GEA (Grupo de Estudos Audiovisuais), ambos credenciados no CNPq. Tem experiência na área de Comunicação, com ênfase em Rádio e Televisão, atuando principalmente nos seguintes temas: TV Digital, Mídias  Digitais e internet.

Publicado

14-05-2015

Como Citar

GOBBI, M. C.; MACHADO FILHO, F. Televisão e Mídias Digitais na América Latina: um cenário em construção. Intercom: Revista Brasileira de Ciências da Comunicação, São Paulo, v. 38, n. 1, 2015. DOI: 10.1590/rbcc.v38i1.2206. Disponível em: https://revistas.intercom.org.br/index.php/revistaintercom/article/view/2206. Acesso em: 27 jan. 2023.

Edição

Seção

Artigos