Ativismos feministas

as apropriações da mídia podcast para a mobilização e o empoderamento de mulheres no ciberespaço

Autores

DOI:

https://doi.org/10.1590/1809-58442023110pt

Palavras-chave:

Feminismo online, Ativismos feministas, Lutas feministas contemporâneas, Podcast, Consumo de mídia

Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar as apropriações da mídia podcast como meio de comunicação no contexto das lutas emancipatórias das mulheres na contemporaneidade. Especificamente, o que se pretende compreender é se as mensagens veiculadas pelo Olhares Podcast contribuem para ampliar a luta das ouvintes feministas no ciberespaço, empoderando e mobilizando mulheres. A pesquisa ancora a sua abordagem teórica em autores como Castells (2013, 2017), Cremades (2009), Alvarez (2014) e Costa (2018). Trata-se de um estudo de caso que utiliza técnicas de netnografia combinadas à coleta de dados a partir de entrevistas realizadas com ouvintes e a produtora do programa. A abordagem netnográfica se faz presente devido ao peso do componente online do objeto do estudo. A pesquisa aponta o potencial do podcast como mídia para engajamento, empoderamento e formação de mulheres, principalmente, se alinhado a outras estratégias que usam a força mobilizadora dos relatos pessoais como motor de conexão entre mulheres.

Biografia do Autor

Luizy A. da Silva Carlos, Universidade Federal Rural de Pernambuco. Recife – PE, Brasil

Mestra em Consumo, Cotidiano e Desenvolvimento Social pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Graduada em Comunicação Social com habilitação em Rádio e TV pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Especialista em Gestão e Produção Cultural, com ênfase em eventos culturais, pela FAFIRE. Docente na área de Comunicação e Marketing, tem experiência com assessoria de comunicação, media training e consultoria em mídias digitais, além de ter atuado como produtora, redatora, locutora e repórter de Rádio. Atualmente, exerce a função de coordenadora de produção na rádio Frei Caneca FM, emissora pública do Recife. É pesquisadora das relações entre Feminismos e Podcast.

Maria Salett Tauk Santos, Universidade Federal Rural de Pernambuco. Recife – PE, Brasil

Jornalista, professora titular da Universidade Federal Rural de Pernambuco, doutora em Ciências da Comunicação pela ECA-USP; Pesquisadora do GP- Comunicação e Desenvolvimento Regional e Local da Intercom; autora dos livros, entre outros, Inclusão Digital, Inclusão Social: usos das tecnologias da informação e comunicação nas culturas populares (2009); Extensão Rural-Extensão Pesqueira: estratégias de comunicação para o desenvolvimento(2014); Comunicação para o Desenvolvimento- Redes da Memória (2016); e Travessias Acadêmicas das Tecnologias da Comunicação para o Desenvolvimento (2019).

Publicado

23-10-2023

Como Citar

CARLOS, L. A. da S.; SANTOS, M. S. T. Ativismos feministas: as apropriações da mídia podcast para a mobilização e o empoderamento de mulheres no ciberespaço. Intercom: Revista Brasileira de Ciências da Comunicação, São Paulo, v. 46, p. e2023110, 2023. DOI: 10.1590/1809-58442023110pt. Disponível em: https://revistas.intercom.org.br/index.php/revistaintercom/article/view/4158. Acesso em: 20 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos