Comunicação e cidadania de refugiados venezuelanos em abrigos na fronteira Brasil-Venezuela

Autores

DOI:

https://doi.org/10.1590/1809-58442023104es

Palavras-chave:

Comunicação, Cidadania, Imigração, Refugiados, Venezuelanos

Resumo

O artigo analisa experiências de comunicação e cidadania de refugiados venezuelanos em abrigos da Operação Acolhida na fronteira Brasil-Venezuela. A partir do marco teórico sobre comunicação, cidadania e migrações, refletimos sobre os agenciamentos de venezuelanos abrigados para contornar limitações de acesso a recursos comunicacionais no marco das tensões entre controle e mobilidade dos migrantes em espaços fronteiriços. A metodologia abrange observação e realização de entrevistas com refugiados e profissionais nos abrigos. Os resultados apontam para a relevância do debate sobre o direito à comunicação dos migrantes relacionado ao acesso e distribuição dos recursos comunicacionais.

Biografia do Autor

Denise Cogo, Escola Superior de Propaganda e Marketing. São Paulo – SP, Brasil

Professora Titula do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Práticas de Consumo da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) e coordenadora geral do grupo de pesquisa Deslocar – Interculturalidade, Comunicação e Consumo. Pesquisadora nível 1C do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e pesquisadora associada do Instituto de Comunicación da Universidad Autónoma de Barcelona (InCom-UAB).

Julia Camargo, Universidade Federal de Roraima. Boa Vista – RR, Brasil. Escola Superior de Propaganda e Marketing. São Paulo – SP, Brasil

Professora do Curso de Relações Internacionais da Universidade Federal de Roraima (UFRR), doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Práticas de Consumo da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), bolsista Prosup Capes e integrante do grupo de pesquisa Deslocar - Interculturalidade, Comunicação e Consumo. Foi bolsista da Red de Cooperación UNITWIN para la Integración de la América Latina (Cátedra Unesco Memorial – 2022). Atualmente, realiza estágio doutoral no Instituto de Comunicación da Universidad Autónoma de Barcelona (InCom-UAB) com bolsa PDSE (Programa de Doutorado-Sanduíche no Exterior) concedida pela Capes.

Sabrina Generali, Escola Superior de Propaganda e Marketing. São Paulo – SP, Brasil

Doutora em Comunicação e Práticas pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) com bolsa Prosup-Capes. Integra o grupo de pesquisa Deslocar - Interculturalidade, Comunicação e Consumo e a Cátedra Maria Aparecida Baccega, que desenvolve pesquisas e ações dedicadas a inter-relação entre Comunicação, Educação e Consumo.

Publicado

23-06-2023

Como Citar

COGO, D.; CAMARGO, J. .; GENERALI, S. Comunicação e cidadania de refugiados venezuelanos em abrigos na fronteira Brasil-Venezuela. Intercom: Revista Brasileira de Ciências da Comunicação, São Paulo, v. 46, p. e2023104, 2023. DOI: 10.1590/1809-58442023104es. Disponível em: https://revistas.intercom.org.br/index.php/revistaintercom/article/view/4480. Acesso em: 29 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos