Pesquisa empírica em Comunicação Organizacional e Relações Públicas: proposta metodológica e olhar sobre a prática de assessorias de Comunicação em Goiás

Autores

  • Simone Antoniaci Tuzzo
  • Tiago Mainieri

DOI:

https://doi.org/10.1590/rbcc.v34i1.646

Palavras-chave:

Assessorias de Comunicação. Pesquisa Empírica em Comunicação. Relações Públicas.

Resumo

A proposta do artigo é apresentar e discutir uma pesquisa empírica em Comunicação Organizacional e Relações Públicas. Ao destacarmos os resultados da pesquisa empírica, propõe-se também discutir alguns de seus aspectos metodológicos. Partindo do princípio que as pesquisas empíricas nem sempre trazem a devida explicitação metodológica, temos um prejuízo no avanço e na consolidação das pesquisas de campo. Nesse sentido, analisamos os resultados e o percurso da pesquisa empírica sobre as assessorias de Comunicação de organizações do Estado de Goiás. Mais que isso, o próprio resultado da pesquisa também se caracteriza como objeto de estudo, ao passo que reafirma a importância dos Relações Públicas na atuação em Assessorias de Comunicação.

Downloads

Publicado

17-06-2011

Como Citar

TUZZO, S. A.; MAINIERI, T. Pesquisa empírica em Comunicação Organizacional e Relações Públicas: proposta metodológica e olhar sobre a prática de assessorias de Comunicação em Goiás. Intercom: Revista Brasileira de Ciências da Comunicação, São Paulo, v. 34, n. 1, 2011. DOI: 10.1590/rbcc.v34i1.646. Disponível em: https://revistas.intercom.org.br/index.php/revistaintercom/article/view/646. Acesso em: 26 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos