Co-construção sociedade/tecnologias em ambientes virtuais digitais

corporalidades e trânsitos não apropriadxs/bles entre as lógicas tecnosociais do presente

Autores

DOI:

https://doi.org/10.1590/1809-58442022112es

Palavras-chave:

Virtualidade, Experiências diferenciais, Espaços, Corporalidades, Trânsitos digitais equitativos

Resumo

O artigo parte da pergunta pelos trânsitos e as apropriações outras em torno das tramas tecnosociais do presente. Para isso, desenvolve uma sistematização e atualização teórica e reflexiva sobre as abordagens das experiências diferenciais em ambientes virtuais, tomando como eixos analíticos as espacialidades, corporalidades, agências e possibilidades de apropriação de esses espaços e ferramentas. As linhas teóricas principais que constituem o eixo analítico são o tecnofeminismo e os estudos sociais das tecnologias, especialmente a perspectiva do construcionismo social. Para a compreensão da noção de experiências diferenciais se instrumentam linhas teóricas dos estudos feministas e interseccionais. Nas conclusões se oferecem propostas para enquadramentos conceituais, como linhas possíveis para enfocar de modo atualizado e situado as perguntas sobre as tecnologias digitais, a diversidade e a equidade.

Biografia do Autor

Verónica Sofía Ficoseco, Universidad Nacional de la Patagonia Austral. Santa Cruz, Argentina. Universidade Federal da Bahia. Salvador – BA, Brazil

Doctora en Comunicación (Universidad Nacional de la Plata). Docente en la Universidad Nacional de la Patagonia Austral. Integrante de grupos y proyectos de investigación en la Universidad Nacional de Jujuy y Universidad Nacional de Quilmes. Líder del grupo de pesquisa Educação, Redes Sociotécnicas e Cultura Digital (CNPq/UFBA). Autora del libro “Género y tecnologías digitales. La experiencia en entornos virtuales de aprendizaje” (EdiUNQ, 2018).

Melina Gaona, Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas. Bernal, Argentina

Doctora en comunicación (Universidad Nacional de la Plata). Investigadora asistente del Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas en el Centro de Estudios en Historia, Memoria y Cultura de la Universidad Nacional de Quilmes. Integrante de grupos y proyectos de investigación en la Universidad Nacional de Jujuy y Universidad Nacional de la Patagonia Austral. Autora del libro “Experiencia popular, ciudad e identidad en el noroeste argentino. La organización social Tupac Amaru” (Peter Lang, 2017).

Publicado

05-12-2022

Como Citar

FICOSECO, V. S.; GAONA, M. Co-construção sociedade/tecnologias em ambientes virtuais digitais: corporalidades e trânsitos não apropriadxs/bles entre as lógicas tecnosociais do presente. Intercom: Revista Brasileira de Ciências da Comunicação, São Paulo, v. 45, p. e2022112, 2022. DOI: 10.1590/1809-58442022112es. Disponível em: https://revistas.intercom.org.br/index.php/revistaintercom/article/view/3781. Acesso em: 2 fev. 2023.

Edição

Seção

Artigos